VARIABILIDADE DE FREQUÊNCIA CARDÍACA EM PRATICANTES DE HIIT PELOS COMPONENTES DE FREQUÊNCIA ABSOLUTA

  • Homero da Silva Nahum Junior Centro Universitário Celso Lisboa

Resumo

A Variabilidade da Frequência Cardíaca seria um indicador do funcionamento do Sistema Nervoso Autônomo, o que a torna um meio viável para a prescrição e controle do treinamento físico. Como houve limitação na literatura, este artigo poderia contribuir agregando benefícios à área e, para tal finalidade, esta pesquisa teve como objetivo comparar a VFC em adultos e adultos jovens. Foi avaliado um banco de dados com 103 pessoas, sendo 40 Adultos (30 - 39 anos) e 63 Adultos Jovens (20 -29 anos), saudáveis, fisicamente ativos há pelo menos um ano e praticantes de musculação por no mínimo 6 meses. Foram comparados os momentos Pré, Durante, Imediatamente Após, Pós 1, Pós 2, Pós 3 e Pós 4 das variáveis VLF, LF e HF entre os dois grupos. Concluiu-se que não houve diferença entre os grupos.


Palavras-chave: SNA. Treinamento. Fisiologia do exercício.

Publicado
2024-04-13
Como Citar
JUNIOR, Homero da Silva Nahum. VARIABILIDADE DE FREQUÊNCIA CARDÍACA EM PRATICANTES DE HIIT PELOS COMPONENTES DE FREQUÊNCIA ABSOLUTA. Revista Presença, [S.l.], v. 10, n. 22, p. 389 - 399, apr. 2024. ISSN 2447-1534. Disponível em: <http://revistapresenca.celsolisboa.edu.br/index.php/numerohum/article/view/454>. Acesso em: 13 july 2024.

##plugins.generic.recommendByAuthor.heading##

##plugins.generic.recommendByAuthor.noMetric##